14 de ago de 2009

A virada

Não desistí de vencer! Pelo contrário, tenho mais forças agora. Se não aqui, quem sabe alí...ou lá!
Antes de qualquer batalha, vem a batalha do amor próprio, antes de viver pra outro, viva pra sí!
Estou pela primeira vez, adimitindo a mim mesmo, a minha busca por amor próprio. Sem preocupações em deixar quem está do meu lado feliz.
Estou juntando minhas pequenas forças, e catando meus pedaços, e partindo de volta.
Voltar na estrada é melhor que perder-se no caminho.
Mudanças estão sendo muito bem vindas, talvez eu passe por horas difíceis nestes próximos dias, mas nada que abale os meus sagrados 21 anos.
Sentimentos não são pra sempre.
Coração vai até o fim da vida.
Quem levará café na cama pra mim?!
Quem me fará carinho até que eu adormeça?!
Isso é tudo na vida?! Ou é apenas uma grande parte?!
Busquei muitas respostas por esses dias, e a mais importante de todas, eu encontrei.
Que tenho sim, por mais que não pareça, a capacidade de mudar!
Não reclamo de grande parte do que viví aqui. Mas deixo pra trás as lembranças que não estavam me fazendo bem. Uma sexta feira regada a cerveja vale mais que meu desejo de ter o coração curado?
Essa resposta eu sei de cor:
-Rio das Ostras, mãe, quarto, amigos...emprego com o papai!
AÍ VOU EU!




Nesse Post eu agradeço três pessoas, que com suas palavras, não imaginavam que me ajudariam:
Paulo Veras, pelo seu post: Algamatofilia.
Déia, pelo seu post: Mude, sem medo!
E meu grande amigo Athila, pela música Broken Angel.

9 comentários:

O Iluminado disse...

"Não fique pela metade siga em frente meu amigo, destrua a razão desse beco sem saída" :)

CarOl disse...

oie, passei pelo seu blog e
o achei mt bacana!!
Adorei essa postagem da virada!!
parabéns...té

Dil Santos disse...

Oi
Legal o blog, gostei bastante.
E realmente, ter amor próprio é fundamental para as pessoas.
Creio que para se poder amar alguém é preciso amar-se primeiro.
Espero que essa virada seja muito favorável para vc, que possa lhe trazer bons momentos.

Abraços
:)

Dil Santos disse...

Sei como é isso, eu estou me preparando para minha, Janeiro ano novo, vida nova, estarei de mudanças, rsrs.
Realmente nos apegamos aquilo a que fomos acostumados a conviver, mas chega um determinado momento do qual temos que cortar o "cordão umbilical".

Abraço

:)

Déia disse...

Lindo,

Estou emocionada e orgulhosa!
Emocionada por fazer algo que te ajudou...
Orgulhosa por existir no mundo pessoas como vc!
Parabens pelo seu espírito de luta!
Tem selinho pra vc lá no Divã! bj

Desabafando disse...

Que bom que está indo em busca de mudanças positivas...que tenha sorte! Passando pra retribuir sua visita ao meu blog! Muito obrigada pelo comentário...sempre que quiser, dê uma passadinha lá, ficarei feliz!

Maycon Souza disse...

Cara boas reflexões encontrei por aq!
To seguindo!Até mais!

cotidianologia.blogspot.com

Diego Marques disse...

Td mundo tem esse momento em q a virada aontece!!!
Eo por exemplo estava meio auto-piedoso e só fui notar isso qndo um amigo me falou... precisei de um esforço tremendo pra reverter esta situação... as veses auto-estima é mais importante do q pensamos....

www.deliriosdodi.blogspot.com

Caio Abreu disse...

Dois trechos de uma musica que gosto muito:

Happiness lies in your own hand
It took me much too long to understand
How it could be

e

Until I learned to love myself
I was never ever lovin' anybody else

:)